terça-feira, 29 de abril de 2008

NG - Saúde (DR3)

DR3 - Medicinas e Medicação

Reconhecer os direitos e deveres dos cidadãos e o papel da componente científica e técnica na tomada de decisões racionais relativamente à saúde.

Numa altura em que a comunicação social nos transmite informação relativa à retirada de mercado de suplementos alimentares (Depuralina e Herbalife), levam-nos a reflectir sobre as decisões que tomamos relativamente à saúde.

"Portugal não tem registo de qualquer reacção adversa provocada pelos produtos Herbalife, apurou o JN junto da subdirectora-geral da Saúde. Em Espanha, as autoridades sanitárias desaconselharam o consumo na sequência de nove casos de toxicidade hepática que se suspeita estarem associados a estes suplementos. (...) Em comunicado, refere que há registo de pelo menos nove casos de suspeita de reacções adversas aos produtos da marca Herbalife, ocorridos entre 2003 e 2007. Tal como a Depuralina - que foi suspensa em Portugal e depois em Espanha -, os produtos Herbalife integram-se na categoria de suplementos alimentares. Não são medicamentos, pelo que a sua comercialização está apenas dependente de uma comunicação à entidade competente pela supervisão desses produtos."

Fonte: JN

Anúncio: Medicamentos Genéricos



Sociedade: Actuo no campo da saúde, entendendo-o como um campo composto por instituições com competências especializadas na produção e distribuição de medicamentos, mas incluindo também áreas de liberdade, desigualdade e conflito.


Tecnologia: Actuo no relacionamento com serviços e sistemas de saúde reconhecendo as possibilidades de escolha e os limites da auto – medicação, bem como intervindo no sentido de conhecer a fiabilidade de técnicas e produtos para a saúde.


Ciência: Actuo na promoção e salvaguarda da saúde recorrendo a conhecimentos científicos para a tomada de posição em debates de interesse público sobre problemas da saúde (planeamento familiar, terapêuticas naturais, toxicodependência, etc.), suportando essas posições em análises matemáticas que permitam perspectivar medidas de forma consistente.

sexta-feira, 25 de abril de 2008

Equipamentos e Sistemas Técnicos

No nosso dia a dia utilizamos diferentes equipamentos e sistemas técnicos, que nos facilitam as diversas actividades que efectuamos.

No contexto privado, utilizamos equipamentos que nos facilitam a realização de tarefas domésticas (aspirador, máquinas de lavar roupa e loiça, fogão ...), equipamentos para conservar e confeccionar alimentos (frigorífico, arca de congelar, micro-ondas, fogão ...), outros para lazer e entretenimento (TV, rádio, máquina fotográfica, aparelhagem...) até aos que utilizamos para deslocação, como o automóvel. Também no contexto profissional utilizamos equipamentos específicos que permitem realizar as várias tarefas que desempenhamos.

DR1 - Utilizo equipamentos e sistemas técnicos em contextos domésticos, identificando e compreendendo as suas normas de boa utilização e os seus diferentes utilizadores?

DR2 - Utilizo equipamentos e sistemas técnicos em contextos profissionais, identificando e compreendendo as suas normas de boa utilização e seus impactos nas organizações?

DR3 - Sou capaz de interagir com instituições, em situações diversificadas com base nos direitos e deveres de utilizadores e consumidores de equipamentos e sistemas técnicos?

DR4 - Mobilizo conhecimentos e práticas para a compreensão e apropriação das transformações e evoluções técnicas e sociais?


terça-feira, 22 de abril de 2008

Dia Mundial da Terra

Comemora-se hoje (22 de Abril) o Dia Mundial da Terra.

"As notícias sobre o planeta não são as melhores no dia em que se comemora o Dia Mundial da Terra. A temperatura em todo o mundo está a aumentar graças ao dióxido de carbono que os homens enviam todos os dias para a atmosfera.

O alerta chega da comunidade científica que é bem clara ao afirmar que este aumento de temperatura irá provocar até ao ano de 2050 a extinção de milhares de espécies animais.

Mas há mais avisos e todos eles preocupantes. As águas dos oceanos vão subir e provocar grandes inundações em diversos pontos do planeta e daí que muitas das cidades que se encontram em zonas costeiras sejam alvo de risco sério de destruição.

Outro dos alertas que surge neste Dia Mundial da Terra tem a ver com as doenças tropicais que devem aumentar em larga escala e dar origem a um surto de epidemias, mesmo em regiões onde este tipo de doenças já foi erradicado. "

Fonte: RTP


São inúmeros os alertas acerca do aquecimento global. Já foram feitos filmes (Um dia depois de amanhã) e documentários (Uma Verdade Inconveniente) para sensibilizar a população para o problema que atinge o nosso planeta.

Deixo alguns vídeos brasileiros com a Carta da Terra, que poderão ser um excelente recurso para o núcleo gerador de Ambiente e Sustentabilidade, bem como para vários temas de Cidadania e Profissionalidade:

Carta da Terra - Parte 1




Carta da Terra - Parte 2




Carta da Terra - Parte 3




http://www.chaosobral.org/carta_daterra.htm

As nossa atitudes, nos diferentes contextos, podem mudar o planeta.

terça-feira, 15 de abril de 2008

NG - Saúde (DR2)

DR2 - Riscos e Comportamentos Saudáveis

Promover comportamentos saudáveis e medidas de segurança e prevenção de riscos, em contexto profissional.

Todas as actividades profissionais comportam riscos, potenciadores de doenças profissionais. Quais os comportamentos/equipamentos que devo adoptar no sentido de minimizar esses riscos? Quais as consequências, a médio e longo prazo, decorrentes da exposição a um determinado factor de risco?

Sociedade: Actuo face aos sistemas de protecção social como elementos do Estado -Providência, identificando as suas diferentes consequências no acesso dos cidadãos aos cuidados de saúde, tendo em conta os riscos de determinadas profissões.

Tecnologia: Actuo conscientemente na manipulação de equipamentos e materiais e na preservação e melhoramento das condições ambientais no local de trabalho tendo em conta a preservação e promoção da saúde.

Ciência: Actuo na prevenção de doenças e acidentes profissionais, com base no conhecimento do modo de actuação no organismo de factores potenciadores de desequilíbrios e na forma de adequar o trabalho às características e capacidades do trabalhador.

Conceitos-chave: doença profissional; sistemas de protecção social; símbolos de segurança; EPI's (equipamentos de protecção individual); ergonomia; alterações orgânicas.

NG - Gestão e Economia (DR2)

DR2 - Empresas, Organizações e Modelos de Gestão

Interagir com empresas, instituições e organizações mobilizando conhecimentos de gestão de recursos

O mundo empresarial poderá ser comparado a um campo de batalha, onde os concorrentes são os inimigos e é necessário estabelecer estratégias para enfrentar a batalha. Enquanto que a estratégia militar é a conquista de um determinado território, a estratégia empresarial é a conquista de quota de mercado.
Qual a estrutura organizacional da minha empresa? Quais as estratégias que eu equaciono/sugiro para a tornar mais eficiente? Como é a minha relação com instituições exteriores?




Sociedade: Actuo de forma inovadora em contextos profissionais distintos, identificando diferentes modelos de gestão e estruturas organizacionais e aplicando-os no sentido da eficácia produtiva e relacional das organizações e do bem-estar dos trabalhadores.

Tecnologia: Actuo em situações de gestão profissional ou de contencioso com instituições exteriores, recorrendo à experiência prática de contabilidade e de direito fiscal.

Ciência: Actuo em situações da vida profissional que envolvam a gestão de recursos técnicos e humanos, bem como novas estratégias para implementação da eficácia organizacional, considerando o papel que a programação linear e a optimização podem ter neste contexto.

Conceitos Chave: Organograma; Componentes do Ordenado (vencimento base; subs. alimentação; subs. férias; contribuição seg. social; retenção IRS); trabalhadores dependentes vs. trabalhadores independentes; recursos humanos; dimensão; estratégias de eficácia e eficiência.

sexta-feira, 11 de abril de 2008

Blog para Cidadania e Profissionalidade

O Referencial de Competências-Chave, de nível secundário, foi fundado na articulação das três Áreas de Competências-Chave, todas consideradas necessárias à formação e/ou autonomização do cidadão no mundo actual e, também, ao desenvolvimento sustentável e às dinâmicas políticas sociais e económicas.
A Área Cidadania e Profissionalidade (CP) assume um carácter explicitamente transversal, ao reflectir conhecimentos, comportamentos e atitudes articulados e integradores das outras Áreas de Competências-Chave. Esta sua transversalidade, abrangente das outras duas áreas, aparece clara no modelo conceptual do Referencial, e traduz-se também na definição de uma estrutura semelhante com os mesmos elementos de referência das áreas operatórias.
Deste modo, gostaria de partilhar com todos um blog excelente para a Área de Cidadania e Profissionalidade, de Emanuel Santos.

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Júri de Certificação



Decorreu na passada sexta feira - dia 4 de Abril, o 1º Júri de certificação de RVCC N.S. do Agrupamento de Escolas João Franco, Fundão.
Foram certificadas as candidatas Fátima Mendes e Céu Pissarra, que com muita dedicação e mérito desenvolveram o seu percurso neste centro.
Fica a fotografia das adultas com o seu PRA, às quais desejo muitas felicidades.

segunda-feira, 7 de abril de 2008

STC - Estrutura e competências

Todos nós, no nosso quotidiano, utilizamos competências de Sociedade, Tecnologia e Ciência.
Nesta apresentação podemos ver de que forma está estruturada a Área de Competência de STC e as suas várias competência.

sábado, 5 de abril de 2008

NG - Gestão e Economia (DR1)

DR1 - Orçamentos e Impostos

Diáriamente somos confrontados com vários apelos à adesão a diversos tipos de créditos (habitação, automóvel, consumo, férias ...), que se traduzem no crescente endividamento das familias portuguesas. Esta facilidade de adesão leva-nos a reflectir sobre as medidas a adoptar para evitar que esse problema nos bata à porta.

Organizo orçamentos familiares tendo em conta a influência dos impostos e dos produtos financeiros disponíveis?



Sociedade: Actuo na elaboração de orçamentos familiares de acordo com as características e composições dos agregados, identificando rubricas de despesas e receitas e compreendendo a sua utilização no sentido da redução do endividamento das famílias e indivíduos?

Tecnologia: Actuo na gestão dos bens familiares recorrendo ponderadamente a meios técnicos e a produtos financeiros diferenciados adequados à optimização do rendimento disponível?

Ciência: Actuo em situações da gestão do orçamento familiar usando conhecimentos de contabilidade e de aplicações matemáticas?

...

Simulador: http://www.saldopositivo.cgd.pt/

NG - Saúde (DR4)

DR4 - Patologias e Prevenção

Prevenir adequadamente patologias em função da evolução das realidades sociais, científicas e tecnológicas




Sociedade: Actuo na prevenção ou resolução de patologias, compreendendo que os riscos, os meios e as concepções de saúde variam entre grupos sociais e entre tempos históricos?

Tecnologia: Actuo tendo em conta a evolução das regras de prevenção e a sua aplicação em situações adequadas, mostrando capacidade de improvisação de meios de protecção?

Ciência: Actuo reconhecendo a evolução do conhecimento científico na forma de melhor enfrentar os agentes causadores de doenças, as suas variantes e o aparecimento de novas doenças, considerando a inferência como um processo importante neste domínio?

NG - Ambiente e Sustentabilidade (DR4)

DR4 - O Clima

Mobilizo conhecimentos sobre a evolução do clima ao longo do tempo e a sua influência nas dinâmicas populacionais, sociais e regionais

Das imagens fantásticas que recebemos nos e_mails, ao problema global, passando pelas "acções" humanas.
O que é que cada um de nós pode fazer para travar este problema?




Sociedade: Actuo na interacção com as variáveis climáticas, reconhecendo que os grupos sociais, as regiões e os modos de produção podem ter modos diferenciados de relação com o ambiente.

Tecnologia: Actuo em ligação com o processo de evolução das tecnologias e sua consequência na estabilidade ambiental e em particular na evolução climática.

Ciência: Actuo tendo em conta os conhecimentos científicos relativos à história e evolução da Terra, e também ao papel da intervenção humana (por exemplo, relacionar a dependência climática com as grandes erupções vulcânicas, com a revolução industrial, etc.) sendo capaz de reconhecer correlações estatísticas entre os diversos factores envolvidos.


Global Warming: Point of No Return?

NG - Equipamentos e Sistemas Técnicos (DR4)

DR4 - Transformações e Evoluções Técnicas

Mobilizar conhecimentos e práticas para a compreensão e apropriação das transformações e evoluções técnicas e sociais


Sociedade: Actuo perante as transformações e evoluções dos equipamentos e sistemas técnicos considerando as suas consequências nas estruturas e interacções sociais.

Tecnologia: Actuo nas utilizações de equipamentos e sistemas técnicos tendo em conta a sua evolução tecnológica no sentido da melhoria de rendimento, da redução do número de horas por tarefa, etc.

Ciência: Actuo face às transformações e evoluções técnicas dos equipamentos relacionando-as com a evolução histórica dos princípios científicos, com especial ênfase nas ciências físicas e químicas, suportada pela evolução da própria matemática ao nível do cálculo diferencial.

Núcleos Geradores em 24 horas

Através deste vídeo conseguimos estabelecer ligações aos vários Núcleos Geradores da área de Sociedade, Tecnologia e Ciência.



Como é que no meu dia-a-dia consigo evidenciar várias competências?